• contato@coordenare.com.br
20 de Janeiro - Dia do Farmacêutico

Canal: Artigos

Por Dr. Nelson Belarmino - Farmacêutico  

Diretor Executivo - Coordenare

 

Com a proximidade do dia 20 de Janeiro, data em que se comemora o Dia do Farmacêutico, são várias as ações realizadas em todo território nacional, de norte a sul e de leste a oeste; mas porque dia 20 de Janeiro? Essa data foi escolhida em função da fundação da Associação Brasileira de Farmacêuticos (ABF), em 20 de janeiro de 1916. Na época, era a maior instituição representativa da categoria, no País.

Importante ainda ressaltar que a idéia da criação de um “Dia” para comemorar a dia desse profissional, se deu a partir de um Farmacêutico, Dr. Oto Serpa Grandado em 07 de janeiro de 1941 quando o mesmo participava de uma reunião na Associação Brasileira de Farmacêuticos (ABF) e realizou um questionamento dizendo que todas as profissões tem o seu dia, por que não temos o nosso “Dia”? E a partir daí surgiu a proposta para a criação do “Dia do Farmacêutico”, que consequentemente o Conselho Federal de Farmácia - CFF, por meio da Resolução nº 460, de 23 de março de 2007, reconheceu o dia 20 de Janeiro como o Dia do Farmacêutico.

Em um passado próximo o Farmacêutico, ao sair da faculdade escolhia em sua grande maioria uma das quatro principais áreas de atuação, análises clínica, hospitalar, indústria ou atuar em farmácias comunitárias, sendo essa última um campo de atuação não tão esclarecido para a população de uma forma geral, pois sempre existiu o “mito” de que o farmacêutico é aquele profissional que vai trabalhar na farmácia “VENDENDO medicamentos”, ou pior ainda, alguns ainda acreditavam que o farmacêutico era apenas o dono da farmácia.

Com o passar de décadas e com a sabedoria de nossos representantes a nível de conselhos regionais e federal, o Farmacêutico vem sendo visto tanto pela sociedade como por alguns profissionais de outras áreas, como uma peça chave na prevenção, controle e promoção da saúde da população como um todo, uma vez que nos dias atuais já não é desejo de atuar apenas em uma das quatros áreas principais do passado, uma vez que são mais de dezenas destas, seja na pesquisa, na clínica, na fitoterapia, na estética, na oncologia, na diabetes e hipertensão, na gestão, enfim, hoje os Farmacêuticos além de graduados buscam uma qualificação voltada diretamente para a sua área de atuação, fato este o mínimo importante, uma vez que isso faz com que esse profissional esteja atuando em algo específico e não de maneira geral, gerando a cada dia mais reconhecimento e confiança de todos que buscam seus serviços.

Enfim, definir o que é o Farmacêutico hoje, ao meu ponto de vista, não é justo falarmos apenas que é o profissional que pode atuar em mais de 70 áreas, não é falar que é o profissional do medicamento e sim, hoje o Farmacêutico é um PROFISSIONAL DE SAÚDE que além e atuar em inúmeras áreas, cuida, orienta e ainda intervém juntamente de uma equipe multiprofissional para que os pacientes possam ter um tratamento adequando, sempre visando uma melhor qualidade de vida, uma vez que esse profissional está inserido do início ao fim do processo de saúde - doença - tratamento terapêutico.

Parabéns para todos Farmacêuticos !